quarta-feira, 12 de julho de 2017

Prática esportiva inadequada aumenta casos de doenças musculares...

Pesquisadores espanhóis advertem sobre aumento de lesões osteomusculares, em grande parte provocadas por hábitos de atividade física inadequados.

A prática da atividade física melhora em diversos aspectos a saúde. Porém, o exercício feito sem o cuidado e uso correto das técnicas pode comprometer o sistema esquelético, muscular e nervoso. Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Granada, na Espanha, encontrou um incremento na ocorrência de doenças osteomusculares neste país.

Os autores do estudo advertem deste aumento indicando que a prática excessiva e com má técnica pode prejudicar a saúde de quem realiza esportes. “As patologias osteomusculares podem vir determinadas por hábitos de atividade física inadequados, tanto por defeito como por excesso”, segundo os autores.

As patologias osteomusculares são lesões inflamatórias ou degenerativas em um sistema muscular esquelético. Pode afetar as articulações, os músculos e os tendões. Na Espanha, a estimativa é que entre 10% e 40% da população geral presente alguma destas doenças. Entre as mais comuns estão a lombalgia e a artrose.

Os pesquisadores sugerem que é fundamental analisar formas de prever estas lesões, já que, além de afetar a saúde de milhares de pessoas, também representam um custo econômico alto. Muitas destas doenças podem descapacitar o paciente para atividades diárias e laborais.

Para a prevenção, determinar os fatores de risco pode significar um grande ajuda. Por exemplo, os hábitos de vida como são a nutrição e o exercício físico, além de outros comportamentos não saudáveis como o consumo de álcool e tabaco. Os autores indicaram que a deficiência de vitamina D, magnésio, zinco, vitamina E, vitamina A e folato, detectada na dieta dos pacientes estudados, poderia promover e complicar as lesões por permitir um estresse oxidativo e aumentar a dor do músculo.

Fonte: jano.es

Nenhum comentário:

Postar um comentário